segunda-feira, 22 de junho de 2009

O meu povo perece por falta de conhecimento - 2



O MEU POVO PERECE POIS LHE FALTA O CONHECIMENTO


PARTE II







Quando falamos em servir a Deus e conhecê-lo, devemos ter em mente que isso quer dizer em primeiro lugar tê-lo como Senhor de nossas vidas. Esse é o primeiro passo para uma intimidade ainda maior com o Senhor.
Para entendermos isto, basta buscarmos o significado real da palavra Senhor, palavra que vem do Latim: “Domini”, da qual também se deriva outras palavras, como domínio, dominador, ou seja, senhor é aquele que tem o domínio sobre o seu servo. Sendo assim, quando a Palavra de Deus nos orienta a reconhecermos o senhorio de Jesus Cristo, está nos ensinando que Ele deve ser o dominador de nossas vidas, aquele que tem o controle. Eu poderia falar por horas sobre o fato do Senhorio de Cristo, mas isso é fato que se constata na Palavra Escrita de Deus. Mais importante ainda é conhecermos a Deus profundamente. Esse conhecimento é que está sendo colocado em pauta em Oséias 4.6. O conhecimento de quem é Deus e do que ele representa e quer para as nossas vidas.
Jesus nos falou sobre conhecermos a Deus profundamente, quando ensinou os discípulos a andarem segundo seus ensinamentos: (Jo 14.7,9,17,20; 15.15). O Senhor Jesus chega a dizer que aqueles que conhecem a Ele e ao Pai, não são chamados de servos, mas sim de amigos, ou seja, o conhecimento muda o tipo de relacionamento, de senhor e servo para um relacionamento de amizade com Deus!
Estamos vivendo tempos difíceis, onde o conhecimento de Deus está deturpado. Há pessoas dizendo ou fazendo coisas, que Deus nunca permitiria ou com as quais jamais compactuaria. Essas mesmas pessoas usam o nome de Deus, como se Ele estivesse no meio dessas coisas. Quando digo estas coisas – vamos “dar nome aos bois” - estou falando de falsos ensinamentos como (o radicalismo da teologia da prosperidade, que diz que crente não fica doente, que crente que passa por dificuldades, sejam matérias ou até de ordem emocional, conjugal, etc., e se ele encontra-se em alguma dessas situações é porque está em pecado ou tem algum problema a ser resolvido com Deus, como se o cristão não passasse por dificuldades (Jô 16.33). As pessoas que assim agem, deturpam textos bíblicos como o de (Fl 4.13) SOBRE O QUAL DIZEM QUE PODEM TUDO, isso porque lhes falta o conhecimento de Deus e até de como estudar a sua Palavra, pois se o tivessem, leriam primeiro o contexto anterior em (Fl 4.12), onde Paulo diz: (Sei passar falta, e sei também ter abundância; em toda maneira e em todas as coisas estou experimentado, tanto em ter fartura, como em passar fome; tanto em ter abundância, como em padecer necessidade.), ou seja, o texto de Fl 4.13 é apenas uma afirmativa da verdade expressa em Fl 4.12, de que Paulo estava preparado para padecer por causa do evangelho e, não de que Ele era um “Super-Homem”, que não tinha problema algum. (Rm 7.15-20; II Co 12.78-10). Há ainda a teologia da hereditariedade espiritual, que diz que os males de uma geração passam para outra se não houver uma quebra de maldição. Deus diz em (Dt 7.4,5), que é Deus que “visita a iniqüidade dos pais nos filhos...”, porém diz logo abaixo no contexto (Dt 7.6), que é Deus misericordioso para aqueles que o amam e obedecem os seus mandamentos. TEMOS AINDA UMA CONFIRMAÇÃO TREMENDA DA JUSTIÇA E MISERICÓRDIA DE NOSSO DEUS PARA OS QUE LHE OBECEDEM, MESMO QUE SEUS PAIS TENHAM SIDO PECADORES em (Ez 18.1-25). Esse texto derruba qualquer afirmação de que há maldição hereditária. E aqueles que praticam tal ensinamento são lobos em pele de cordeiro, enganadores e falsos profetas ou no mínimo não têm o menor compromisso com a verdade expressa na Palavra de Deus, seja por ignorância - menos mal - ou por displicência mesmo. Ora se aceitamos a Cristo como Senhor e Salvador, automaticamente nossos pecados foram perdoados – Jô 3.16; 1.12, passamos a ter a vida eterna – 1 Jo 5. 11-13 e o caráter de Cristo e somos novas criaturas – 2 Co 5.17 e essa obra é o Espírito Santo de Deus quem faz, através do Fruto do Espírito – (Gl 5.22). Se nós andamos com Cristo, se obedecemos a Ele e amamos a sua Palavra, NÃO PRECISAMOS FICAR REPETINDO “MANTRAS” DE QUEBRA DE MALDIÇÕES, pois o nosso coração já foi mudado e o nosso rumo certamente será diferente até se nossos pais por ventura tiverem feito algum mal como vimos em (Ez 18.1-25).
Esses tempos difíceis e de frieza espiritual foram previstos pelo Senhor. Pela ação do Espírito Santo Jesus nos ensinou que haveria tempos assim. Mas que deveríamos permanecer arraigados na videira que é Ele – Cristo Jesus – Jô 15.1-8. Neste texto o Senhor nos ensina que para permanecermos nele é preciso conhecer a sua Palavra. “... se as minhas palavras estiverem em vós...”. E para conhecermos a Palavra de Deus é preciso ler, estudar, meditar, examinar com cuidado e com zelo, para podermos fazer tudo que Ela nos ensina (Js 1.8).
Quando a igreja assim o faz, deixa de ser aleijada. É isso mesmo, infelizmente há várias “células” – partes - do Corpo de Cristo, que estão defeituosas e isso é sério, pois o Corpo de Cristo é perfeito. E o cérebro, ou seja, a cabeça, que é Cristo procura eliminar as imperfeições, isso é natural em qualquer organismo e, foi por isso que Paulo inspirado pelo Espírito Santo escreveu acerca da igreja, comparando-a ao corpo humano, tanto pelo fato de todas as partes serem importantes e de igual valor, como pelo fato de nos ensinar acerca de células que morrem (I Co 6.15; I Co 12). Por isso Jesus nos orientou em (Jo 15), que aquele que não produz bom fruto é cortado e lançado fora. Neste contexto, o Pai que é o lavrador, corta as partes ruins da videira. Há outras passagens na Palavra de Deus falando de “partes ruins” do corpo de Cristo, sendo deixadas para serem arrancadas no final de todas as coisas, como na parábola do trigo e do Joio. (Jô 13.24-40). Isso, porque Deus não quer lançar a ninguém fora de sua presença (Jo 6.37). Mas há casos em que infelizmente isso acontece, por isso é bom que sempre estejamos buscando a sua face.
O conhecimento de Deus é fonte segura para aqueles que desejam realmente servi-lo e mais, serem seus amigos com foi Abraão, Davi e tantos outros que alegraram o coração do Senhor. Esses homens cometerem vários delitos contra a vontade de Deus. Naturalmente, eram homens, mas eram homens que amava a Deus e a sua vontade a ponto de prantearem de rosto em terra, quando pecavam. Humilhavam-se e pediam direção do Senhor para retomarem ao caminho certo, segundo a vontade de Deus. Esses homens sequer tinham o privilégio que temos hoje, de ter a Palavra Escrita, finalmente posta diante de nós, como lâmpada (Sl 119.105) e cajado (Sl 23.4) que nos corrige, nos orienta e nos consola.


O conhecimento da Palavra de Deus nos leva a entendermos e amarmos nossos irmãos não importando seus defeitos.
O conhecimento da Palavra de Deus leva-nos a orar segundo a vontade de Deus que está muito além da nossa compreensão e de nossa vontade mesquinha, material e imediatista (Is 55.8,9), que visa sempre o bem próprio e nunca o do reino de Deus, ou o amor pelas almas perdidas.
O conhecimento da Palavra de Deus leva-nos a ter a bendita esperança na volta de Cristo (Tito 1.1-3) e na consumação definitiva de todo o seu plano que já está traçado antes da fundação do mundo (I Pe 1.18-21).
O conhecimento da Palavra de Deus leva-nos a servi-lo a cada dia, procurando com zelo andar segundo sua vontade, consequentemente, leva-nos a uma vida de santidade e intimidade com Ele, através da oração (Ef 6.11-18).


POR FIM A PALAVRA DE DEUS NOS SANTIFICA, OU SEJA, NOS SEPARA DO MUNDO PARA DEUS. (Jô 17.17). E ISSO É MUITO FUNDAMENTAL, POIS SEM SANTIDADE NINGUÉM VERÁ A DEUS! (Hb12.14).

“O CONHECIMENTO E A PRÁTICA DA PALAVRA DE DEUS NOS LIBERTAM FÍSICA, EMOCIONAL E ESPIRITUALMENTE, PARA VIVERMOS EM NOVIDADE DE VIDA. NÃO MAIS COMO ESCRAVOS DE VÃS FILOSOFIAS E FALSOS ENSINAMENTOS, MAS LIVRES EM CRISTO JESUS”.


AMÉM!


Que todos possam procurar com zelo a Estatura de Varão Perfeito !


Pr. Edison Theodoro Lima

5 comentários:

  1. Bom dia Pastor. Continue publicando suas mensagens e levando as boas novas. Visite nosso blog . www.luzparaseudia.blogspot.com
    Vou contribuir com teu blog, te seguindo!

    Abraços e que Deus te abençoe, muito!

    Carlinhos Candido

    ResponderExcluir
  2. Edificante pastor :D da uma passadinha no meu blog tbm :D

    ResponderExcluir
  3. adorei esta palavra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado e fique a vontade para ver mais conteúdo em:

      www.caminhovivo.com

      Excluir
  4. Amém Pastor Edilson!
    Que o Senhor a cada dia venha te cobrir com o sangue dEle sobre a sua vida vaso. Quem nenhuma retalhação do inimigo venha chegar sobre a sua vida em nome de Jesus. Que a cada dia o Senhor venha te encher de sabedoria, graça, discernimento e que você continue sendo benção por onde passar. Deus te abençoe espiritualmente, ministerialmente, conjugalmente, profissionalmente, familiar, financeiramente e materialmente para honra, glória e louvor ao nome do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.
    Abraços!

    ResponderExcluir